Clínica de São Lourenço

Centro Ortodôntico do Funchal

  • Sleep apnea - Clinica de São Lourenço
  • Banner Apneia 6
  • Banner Apneia1

Qual o tratamento?

  • O tratamento indicado depende do quadro clínico de cada doente e passa por:
  • perder peso
  • evitar bebidas alcoólicas (o álcool deprime a respiração tornando as apneias mais frequentes e graves)
  • evitar medicamentos para dormir (pois a grande maioria agrava a apneia do sono);
  • utilizar medicamentos para aliviar a congestão nasal, caso exista;
  • Dormir de lado (as apneias são mais frequentes quando se está deitado de costas)

Pressão positiva contínua nasal (CPAP) consiste na aplicação de uma máscara no nariz durante a noite. Este aparelho exerce uma pressão de ar contínua forçando o ar a passar através das vias respiratórias, não deixando que a apneia ocorra e permitindo que o indivíduo respire normalmente sem que o sono seja perturbado.

  • Aparelhos intra-orais que permitem uma melhor abertura das vias aéreas superiores com projecção anterior da mandíbula, língua e palato mole.
  • Procedimentos cirúrgicos para corrigir alterações físicas que prejudiquem a respiração durante a noite. Estas incluem amígdalas ou adenóides aumentadas, pólipos nasais, um desvio do septo nasal e malformações da mandíbula ou do palato mole.
Apneia Obstrutiva do Sono

A uvulopalatofaringoplastia (UPPP) e a uvulopalatofaringoplastia assistida por laser (UPPL), são técnicas em que o cirurgião remove o excesso de tecido na parte posterior da garganta (úvula e parte do palato mole) que poderá estar a bloquear as vias respiratórias durante o sono. Além destas cirurgias, nos casos mais graves pode ser necessário recorrer a outras técnicas operatórias mais diferenciadas como o avanço maxilomandibular e mentoniano. Noutros casos, extremos, com uma apneia do sono muito grave pode ser necessário efectuar uma traqueotomia.

Apneia Obstrutiva do Sono

Cirurgia de avanço maxilomandibular com mentoplastia e artroplastia total da ATM direita para alargamento do espaço faríngeo.